Pesquisar este blog

Morte súbita



O que é morte súbita?

A síndrome da morte súbita infantil, ou síndrome da morte súbita do lactente (também conhecida como "morte do berço" ou Sids, da sigla em inglês), não é uma doença específica. Trata-se de um diagnóstico que os especialistas dão quando um bebê aparentemente saudável morre sem explicação.

Como Cuidar de um Recém-nascido


Introdução
Provavelmente, até o nascimento do seu bebê o foco de sua gravidez era o trabalho de parto e o parto. Talvez você tenha ganhado um chá de bebê e pintado o quarto dele. Mas, na verdade, tudo isso simplesmente fez parte da preparação para o grande momento do nascimento do seu bebê.

Fralda Pampers New Baby Recém nascido



Fralda Pampers New Baby Recém nascido 2 a 4,5kg pct com 20 unidades

O bebê de 1 mês

Cabeça mais firme
Os músculos do pescoço estão ficando mais fortes, o que permite ao bebê manter a cabeça erguida por breves períodos. Ele também consegue levantá-la um pouco quando está de barriga para baixo e pode até conseguir virá-la de um lado para o outro. Pode ser que ele erga a cabeça enquanto estiver na cadeirinha do carro ou em um "canguru", especialmente se tiver um bom apoio lateral e se você utilizar protetores acolchoados de cabeça, feitos justamente para essas situações.

Primeiro mês


Nesse início de vida, o bebê não controla nem a musculatura dos olhos.

Controle da Cabeça

Controle da cabeça

Os bebês nascem sem conseguir controlar direito os músculos do pescoço e a cabeça. Eles vão desenvolvendo aos poucos essa habilidade tão essencial, ao longo dos seis primeiros meses de vida, e ela será a base para todos os movimentos que virão dali para a frente, como sentar e andar.

Quando acontece

Na maioria dos bebês, até os 6 meses os músculos do pescoço ficam fortes o suficiente para sustentar a cabeça.

Como acontece

Recém-nascido

Os músculos do pescoço do bebê são fracos quando ele nasce, portanto ele precisa de você para sustentar a cabeça, pelo menos no primeiro mês. Talvez seja a forma de a natureza garantir grandes períodos de interação cara a cara entre mãe e filho.

Quando pegar seu bebê no colo, olhe nos olhos dele. É uma sensação incrível, que vai colaborar para consolidar a ligação entre vocês dois e fazer com que o bebê se sinta seguro e amado.

De 1 a 2 meses

Ao final do primeiro mês de vida, o bebê consegue erguer um pouquinho a cabeça e olhar para os lados quando deitado de bruços. Por volta de 6 semanas, se for uma criança forte, vai conseguir levantar a cabeça mesmo deitada de barriga para cima.

Quando carregada de pé no colo, ela controla a cabeça sem muita firmeza, por períodos curtos. Também tem força suficiente para levantar a cabeça quando está sentada na cadeirinha do carro ou num bebê-conforto, mas ainda não dá para andar num carrinho muito sentado nem naquelas mochilas de levar o bebê nas costas ou na frente conhecidas como canguru. Para essas aventuras, é melhor esperar até que o bebê consiga sustentar a cabeça sem ajuda.

De 3 a 4 meses

Você vai notar um claro avanço no controle da cabeça nessa fase. A criança consegue erguer a cabeça até o ângulo de 45 graus quando deitada de bruços e mantê-la levantada com firmeza.

Uma boa brincadeira que ajuda a desenvolver os músculos do pescoço é fazer "abdominais". Deite o bebê de barriga para cima, segure as mãos dele e o levante devagar até ele sentar. Depois vá voltando até a posição deitada e o levante de novo.

Nessa idade, ele deve ser capaz de manter a cabeça alinhada ao resto do corpo enquanto vai subindo. Aos 4 meses, seu filho estará mais preparado para passear no carrinho com o encosto levantado, mas, se você não sentir firmeza na sustentação da cabeça e o chão for esburacado demais, causando muitos solavancos, ainda prefira uma posição mais reclinada.

De 5 a 6 meses

Aos 6 meses, o bebê consegue manter a cabeça levantada sem dificuldade, e a força para a frente quando brinca de "abdominais" ou de "serra, serra, serrador...".

O que vem pela frente

Quando seu bebê passa a controlar bem a cabeça, pode começar a tentar sentar, rolar e engatinhar. O controle da cabeça também é necessário para engolir alimentos sólidos e para usar a maioria dos modelos de cadeirão.

O que você pode fazer

Você não terá que fazer muita coisa para incentivar o desenvolvimento do controle da cabeça, mas é preciso tomar cuidado. Em especial nos primeiros meses, você vai precisar sustentar a cabeça e o pescoço do seu filho com a palma da sua mão sempre que o tirar do berço ou o carregar no colo.


De vez em quando, ponha o bebê de bruços para brincar. O esforço de levantar a cabeça e o peito para olhar em torno ou para enxergar os
brinquedos em volta vai fortalecer os músculos do pescoço dele.

Entre 3 e 6 meses, dá para manter o bebê mais erguido, desde que com apoio para a cabeça e o pescoço. Para isso, você pode usar travesseiros na cama, segurar seu filho sentado no seu colo, com a cabeça encostada na sua barriga, usar o bebê conforto ou levantar um pouco o encosto do carrinho. Assegure-se sempre de que o bebê está em um lugar seguro, em que não há perigo de cair. Deixe o seu filho explorar vários ambientes diferentes, para que ele veja o mundo de vários ponto de vista.

Quando se preocupar

Se aos 3 meses o bebê parece ter dificuldade para erguer a cabeça, mesmo que só um pouquinho, mencione esse fato ao pediatra na próxima consulta. Os bebês desenvolvem cada habilidade em ritmos diferentes, algumas mais rápido que outras, e o controle da cabeça não é exceção. Bebês prematuros podem demorar mais que outras crianças da mesma idade a atingir certos marcos do desenvolvimento -- converse com seu médico se estiver preocupada.

O que um bebê de 1 mes consome

Listinha dos produtos que a Ana Clara usa e consome com 1 mês

Dúvidas sobre amamentação


TEMPO DA MAMADA  
- A mãe produz dois tipos de leite. Nos primeiros 10 minutos é o leite anterior , que tem mais água, e a função é matar a sede do bebê,

Não sei se meu bebê está mamando o suficiente. Como descobrir?

Como seria bom se o seio fosse transparente, com os risquinhos indicando quantos mililitros de leite já foram tomados! Nas primeiras semanas, é difícil não se perguntar se o bebê está obtendo todo o leite de que precisa.
Converse com o pediatra se:

• O bebê não começar a repor o peso que perdeu após o parto. Ao fim da primeira semana, ele já deve estar começando a ganhar algum peso (não em relação ao peso com que nasceu, mas em relação ao peso com que saiu da maternidade).

• Seu seio não parecer ter "esvaziado" depois que ele mama.

• O bebê ficar inquieto e letárgico na maior parte do tempo.

• O bebê apresentar covinhas ou fizer barulhinhos com a língua enquanto mama. Esses são sinais de que ele não está abocanhando o seio direito (a chamada pega). Tire-o do seio e tente de novo. Se continuar com dificuldade, procure ajuda.

• O bebê não chegar a molhar seis fraldas num período de 24 horas a partir do quinto dia.

• A partir de cinco dias depois do parto, o bebê não fizer cocô todos os dias ou só fizer bolinhas pequenas e escuras.

• A pele e os olhos do bebê forem ficando mais amarelos, em vez de menos, depois da primeira semana.

• O rostinho dele não tiver ficado arredondado quando ele estiver com cerca de 3 semanas.

• A pele do bebê continuar enrugada depois do fim da primeira semana.


Não haverá motivo para se preocupar se:

• Seu bebê estiver pegando o seio bem e mamar regularmente, de seis a oito vezes por dia.

• A amamentação não estiver dolorida e for confortável tanto para mãe quanto para o bebê (um pouco de irritação nos mamilos é natural nos primeiros dias).

• Seu bebê mudar de ritmo enquanto está mamando, ou parar de sugar e depois recomeçar. Também é bom sinal o fato de ele largar o seio naturalmente quando tiver terminado.

Com esses sinais, é muito improvável que o bebê não esteja mamando direito.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nota

A maioria ds textos e imagens são retirados da intenet
Em cada post é citado o endereço de onde foi retirado
As imagens são do google

caso alguem seja dono do texto ou imagem e se sinta ofendido, entre em contato comigo que eu colocarei dos devidos créditos a imagem ou ao texto ou retirarei do blog

adrisantos_santos@hotmail.com

obrigada